Source files of fsfe.org, pdfreaders.org, freeyourandroid.org, ilovefs.org, drm.info, and test.fsfe.org. Contribute: https://fsfe.org/contribute/web/ https://fsfe.org
You can not select more than 25 topics Topics must start with a letter or number, can include dashes ('-') and can be up to 35 characters long.

pdfreaders.pt.xhtml 7.4KB

123456789101112131415161718192021222324252627282930313233343536373839404142434445464748495051525354555657585960616263646566676869707172737475767778798081828384858687888990919293949596979899100101102103104105106107108109110111112113114115
  1. <?xml version="1.0" encoding="UTF-8"?>
  2. <html>
  3. <head>
  4. <title>PDFreaders - Software Livre para ler PDF - FSFE</title>
  5. <script type="text/javascript" src="/scripts/flattr.js"/>
  6. </head>
  7. <body>
  8. <h1>Software Livre para ler PDF <a class="FlattrButton" style="display:none;" rev="flattr;button:compact;"
  9. href="http://pdfreaders.org/"></a></h1>
  10. <!--@ translators : please do not translate the comments, they will help me integrate the figures. Thx, maelle-->
  11. <div id="introduction">
  12. <div class="image">
  13. <a href="/donate/donate.en.html"> <img src="/graphics/pdfreaders-fundraiser-stamp.png" alt="PDFreaders-Donation" /></a>
  14. </div>
  15. <p>
  16. O que você pensaria de encontrar um sinal do seu governo na estrada dizendo "Você precisa de um Volkswagen para conduzir nesta estrada. Contacte o seu concessionário Volkswagen para uma prova de condução grátis"? Quando se trata de software para ler PDF, muitos governos fazem isso todos os dias. Com a campanha <a href="http://www.pdfreaders.org">pdfreaders.org</a> viramos o ponto de mira sobre as instituições públicas que se comportam desta maneira, expondo a frequência com a que esses anúncios não-livres aparecem. Com a ajuda de ativistas de toda a Europa, entraremos em contato com estas organizações e explicaremos-lhes como melhorar os seus sítios web para que respeitem a nossa liberdade.
  17. </p>
  18. </div>
  19. <h2>O que já foi alcançado</h2>
  20. <p>
  21. Todos os dias, as instituições públicas anunciam software não-livre nos seus sítios web. Alguns exemplos estão abaixo. Com a ajuda dos nossos <a href="http://fellowship.fsfe.org/">Fellows</a> e de cetenos outros ativistas do Software Livre, reunimos durante mais de um mês 2286 relatórios de defeitos provenientes de todos os países da Europa, e também de 9 países fora da Europa.
  22. </p>
  23. <p>
  24. <a href="/campaigns/pdfreaders/finanzBrandenburg.png"><img src="/campaigns/pdfreaders/finanzBrandenburg_p.png" alt="Ministério das Finanças de Brandenburgo" /></a>
  25. <a href="/campaigns/pdfreaders/FPmt.png"><img src="/campaigns/pdfreaders/FPmt_p.png" alt="Ministério dos Negócios Estrangeiros de Malta" /></a>
  26. <a href="/campaigns/pdfreaders/SachsenJustiz.png"><img src="/campaigns/pdfreaders/SachsenJustiz_p.png" alt="Ministério da Justiça de Sachsen" /></a>
  27. <a href="/campaigns/pdfreaders/education.png"><img src="/campaigns/pdfreaders/education_p.png" alt="Ministério da Educação da França" /></a>
  28. </p>
  29. <p>
  30. A nossa <a href="/campaigns/pdfreaders/petition.html">Petição para a supressão de Publicidade de Software Privativo nos Sítios Web das Instituições Públicas</a> foi assinado por mais de 48 organizações, 48 empresas e
  31. 1482 indivíduos. Se você não assinou ainda, <a href="/campaigns/pdfreaders/petition.html">faça-o agora</a>!
  32. </p>
  33. <h2>Segunda fase da campanha: Entrar em contato com o setor público</h2>
  34. <p>Encontrar os organismos públicos que anunciam leitores de PDF privativos foi apenas a primeira etapa da campanha. Agora precisamos criar sensibilização nas seguintes questões:</p>
  35. <ul><li><p><strong>Uma questão da neutralidade</strong>: As instituições públicas não devem envolver-se em propagandas</p>
  36. <p>Ao recomendar um único programa não-livre, as instituições públicas estão a promover o modelo do software privativo. Há <a href="http://pdfreaders.org">muitas alternativas</a> ao leitor que promovem, por isso não há razão para que as instituições públicas fortalezam ainda mais o domínio de uma única empresa sobre uma parte do mercado do software. A publicidade nos sítios web do setor público pode ser boa, de estar marcada como tal, cobrando por ela, sempre que não comprometam a concorrência e a escolha no mercado do software. Quando os órgãos públicos atuam como um canal de comercialização para o produto de uma única empresa, algo deu errado.
  37. <!-- [FIXME:I think we shouldn't go too far on the track of
  38. "advertisement shall be paid for" or else we have to remove
  39. everywhere the proposal to add a link to a list of readers (namely
  40. pdfreaders.org) alongside with the current advertisements // KG: But
  41. neither can we simply say "no advertising on public sector website",
  42. because that's a) not illegal (see www.muenchen.de) and b) distracts
  43. from our message.--> </p></li>
  44. <li><p><strong>Uma questão de liberdade</strong>: As instituições públicas não devem promover entre os cidadãos o software não-livre.</p>
  45. <p>O <a href="http://www.fsfe.org/about/basics/freesoftware.html">Software Livre</a> é um software que qualquer um pode usar, estudar, compartilhar e melhorar. Estas quatro liberdades dão aos usuários o controle total sobre o software que utilizam. O Software Livre garante que você não precisa comprar o produto de uma empresa, se você só quer apenas ler os documentos que outras pessoas enviam, inclusive órgãos públicos. Qualquer programa pode ser verificado para localizar falhas de segurança, por isso é frequente que os problemas sejam corrigidos rapidamente. O Software Livre ajuda a proteger a sua privacidade, pois você pode ter certeza de que o programa que você está a usar só faz as coisas que você quer, e nada mais. Um governo que existe para proteger e preservar a nossa liberdade não deve promover entre nós o uso do software não-livre.
  46. </p></li>
  47. <li><p><strong>Uma questão de <a href="/projects/os/def.html">Padrões Abertos</a></strong>: </p>
  48. <p>As versões do formato PDF que são <a href="/projects/os/def.html">Padrões Abertos</a> podem ser executados por todos os leitores de PDF. Se os organismos públicos não se cingem aos Padrões Abertos ao gerar os seus documentos, tornam mais difícil ao Software Livre e aos diferentes fornecedores competir no mercado.</p></li></ul>
  49. <p>Por todas estas razões, a FSFE está pedindo as administrações públicas, bem retirar os seus anúncios de software privativo, ou pelo menos fazer a mesma propaganda para o Software Livre, para que os usuários dos seus sítios web percebam que têm uma escolha.</p>
  50. <h2 id="subpages">Navegação</h2>
  51. <ul>
  52. <li>
  53. <h3><a href="/campaigns/pdfreaders/buglist.html">Lista dos relatórios apresentados</a></h3>
  54. <p>
  55. Veja quais instituições têm sido relatadas no seu país.
  56. </p>
  57. </li>
  58. <li>
  59. <h3><a href="/campaigns/pdfreaders/petition.html">A Petição</a></h3>
  60. <p>
  61. "Petição para a Remoção de Publicidade de Software Privativo nos Sítio Web das Instituições Públicas".
  62. </p>
  63. </li>
  64. <li>
  65. <h3><a
  66. href="/campaigns/pdfreaders/letter.html">Modelo de carta</a></h3>
  67. <p>
  68. A carta que iremos enviar às instituições públicas.
  69. </p>
  70. </li>
  71. <li>
  72. <h3><a
  73. href="/campaigns/pdfreaders/guideline.html">Diretrizes para colaboradores</a></h3>
  74. <p>
  75. Você quer contribuir entrando em contato com instituições públicas?
  76. </p>
  77. </li>
  78. <li>
  79. <h3><a href="http://www.pdfreaders.org">Lista de Software Livres para ler PDF</a></h3>
  80. <p>O sítio web pdfreaders.org lista todos os Software Livres para ler PDF, e dá conselhos para que você saiba qual seria o ótimo para o seu sistema de exploração. </p>
  81. </li>
  82. </ul>
  83. </body>
  84. <timestamp>$Date: 2010-09-21 13:39:39 +0200 (Tue, 21 Sep 2010) $ $Author: maelle $</timestamp>
  85. <translator>pcgaldo</translator>
  86. </html>
  87. <!--
  88. Local Variables: ***
  89. mode: xml ***
  90. End: ***
  91. -->